6 dicas de como se planejar para estudar em outra cidade

6dicasdecomoseplanejarparaestudaremoutracidade

Nos últimos anos, com a expansão do Enem e sua parceria com cada vez mais faculdades no Brasil, mudar de cidade para estudar tornou-se realidade para muitos jovens. A partir de recursos como o Prouni e o Fies, foi possível ter acesso a benefícios que vencem a batalha contra o receio de encarar o desconhecido.

Embora seja tão vantajoso, muitos estudantes continuam com esse sentimento de insegurança ao tomar a decisão de estudar em outra cidade. Sair da casa dos pais é um grande desafio, que significa ter responsabilidades maiores em inúmeros sentidos. Mas a boa notícia é que a resposta para os principais medos de quem se encontra nessa situação está no planejamento.

E é com isso que vamos ajudar você neste post. Quer as melhores dicas de como estudar em outra cidade e se antecipar a alguns problemas? Confira a seguir!

1. Visite a cidade em que vai morar

Talvez o passo mais sábio que você possa dar nessa jornada é conhecer a cidade em que deseja estudar. Por isso, antes de se mudar definitivamente, visite a localidade para saber quais são os hábitos dos moradores e como você poderia se encaixar ali.

Faça um tour pelos bairros mais indicados para estudantes e já prepare uma lista com aqueles que mais agradaram. Uma boa dica é verificar como é o entorno da faculdade, porque, em geral, é mais fácil se mudar para próximo do campus — afinal, você poderá se deslocar facilmente até lá.

Veja se nas regiões de que você mais gostou existem mercados, padarias e farmácias próximos, pois são estabelecimentos que facilitam bastante a rotina de estudantes. Se não quiser morar perto da faculdade, procure conhecer quais são os meios de transporte que poderá usar.

Caso você pretenda trabalhar em outra cidade, aproveite para conhecer as suas opções, seja em sua área ou não. Dar uma olhada em sites de vagas para entender como estão as demandas por profissionais também pode ser uma boa prática.

2. Planeje a mudança com antecedência

O período entre as provas de vestibular e a divulgação dos aprovados não costuma ser muito curto. Se você opta pelo Enem, por exemplo, precisa esperar até janeiro para se candidatar pelo Sisu. Mas veja isso como uma vantagem: enquanto aguarda ansiosamente pela resposta, já é possível se planejar para a mudança de cidade.

A visita ao município faz parte desse planejamento. Tendo em mente quais são as possíveis localidades em que você pode morar, chega o momento de selecionar, de fato, uma casa ou apartamento. As opções são vastas e existem grupos nas redes sociais que divulgam vagas em repúblicas ou imóveis para locação com menos burocracia.

Quando estiver fazendo a reflexão entre morar sozinho ou em república, pense também em como você vai preencher seu espaço com os móveis necessários. Pese os prós e contras: na primeira opção, terá mais privacidade, porém, maiores gastos para montar o seu lar da maneira que necessita; já na segunda, possivelmente vai precisar somente da cama, mas terá que conviver com pessoas de personalidades diferentes.

3. Converse com outros estudantes na mesma situação

Como vimos, você não estará sozinho nesse barco. Outras pessoas vão passar pela mesma situação ou já passaram e podem ajudar bastante na solução de algumas de suas dúvidas. Muitos deles provavelmente já fizeram uma pesquisa mais avançada e sabem, pelo menos, quais são as melhores cidades para estudar.

Isso é importante porque, em muitos casos, a faculdade na qual você vai apostar todas as suas fichas oferece seu curso em outras cidades também. Conversando com estudantes que já conhecem mais dessa pesquisa, eles podem passar informações valiosas sobre o campus em si, a atmosfera da localidade e o mercado de trabalho.

4. Planeje-se financeiramente

Mudar de cidade significa arcar com gastos que você provavelmente não tinha se morava na casa dos pais. Logo, é preciso ter um planejamento para pagar a nova moradia, as despesas com alimentação e transporte, além de tudo que envolver seus estudos. Nesse cenário, será necessário um emprego que não interfira em sua rotina acadêmica, que seja fácil de administrar.

Com isso em mente, faça uma planilha financeira para visualizar melhor quais são as despesas fixas, as variáveis e seus recebimentos. Anotar cada gasto, mesmo que pequeno, pode ser o diferencial para seu planejamento. Sempre que possível, evite os cartões de crédito e opte por pagar à vista, o que proporciona a você maior controle sobre seu dinheiro.

5. Resolva questões burocráticas

Para ingressar na faculdade, você precisa fazer a matrícula — por mais que seja a primeira prova oficial de que você conquistou esse feito, é um momento que envolve certa burocracia. São muitos documentos que precisam ser apresentados e, para ter acesso a alguns deles, será preciso contatar até mesmo sua escola do ensino médio.

Caso você se candidate para algum programa de incentivo, de financiamento ou bolsas, mais uma dose de burocracia. Normalmente, é preciso comprovar renda familiar, demais proventos, além dos documentos que já apresentou na matrícula.

Para alugar um apartamento ou casa, novamente terá como desafios a papelada — só que, dessa vez, acompanhada pela questão do fiador, que as imobiliárias costumam solicitar. Por isso, já tenha todas essas etapas em mente e comece a preparar desde cedo o que ainda não tem em mãos.

6. Tenha uma rotina organizada

Estar em novos ares vai bagunçar um pouco a sua rotina. Para conciliar todos seus afazeres e ter êxito na faculdade, o ideal é organizar a sua vida em um cronograma, com horários para estudos, revisões, trabalho e, como não poderia faltar, o lazer.

Por mais que pareça limitante ter uma rotina regrada, ela é necessária principalmente nesse primeiro momento. Se você pensar, é também ela que permitirá você fazer tudo que precisa, sem que caia nas armadilhas das redes sociais e do ócio improdutivo.

Estudar em outra cidade pode não ser uma tarefa muito fácil, principalmente considerando que você está deixando para trás o conforto em favor do desconhecido. Mas ao seguir as dicas deste conteúdo, será possível se planejar e abraçar as novidades com mais segurança e confiança. Lembre-se de que está priorizando sua capacitação e isso já é um grande investimento em seu futuro!

Se você já está pronto para fazer as malas, não deixe de conferir nosso blog e acessar mais conteúdos que podem ajudá-lo nessa trajetória!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

cursos da unime

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.