Odontologia Hospitalar: o que é e como funciona?

paciente em clínica odontológica

Para a grande maioria da população, ainda é difícil relacionar a presença de dentistas com o ambiente hospitalar. Quando pensamos em Odontologia, o comum é lembrar-se dos moldes dentários, das restaurações e das limpezas com material odontológico nos consultórios.

Porém, quem realiza o trabalho diário da Odontologia Hospitalar conhece a importância da área para pacientes internados ou pessoas que necessitam de cuidados especiais.

Assim, quem pretende fazer o curso de Odontologia terá possibilidades de atuação que ultrapassam a rotina de limpeza e a instalação de aparelhos ortodônticos. Quer conhecer como funciona essa área? Continue acompanhando a seguir!

O que é Odontologia Hospitalar?

Em suma, trata-se de uma especialidade focada nos cuidados das alterações bucais que requerem procedimentos altamente complexos de equipes multidisciplinares em Enfermagem.

Esses profissionais são responsáveis ​​por minimizar o risco de infecção da área bucal, melhorar a qualidade de vida dos pacientes, reduzir as internações, diminuir o uso de medicamentos e até controlar o uso de nutrição parenteral — nutrição feita por uma via diferente da gastrointestinal.

Como surgiu a Odontologia Hospitalar?

Devido à necessidade de fornecer atendimento odontológico para pacientes internados, essa especialidade teve início por volta de 1901 nos Estados Unidos. No Brasil, não existem registros, mas se sabe que os dentistas visitaram a Santa Casa de Misericórdia em São Paulo por volta de 1940, e o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo) em 1945.

Em 2012, o ex-governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, lançou o plano “Sorria Mais São Paulo”, que determinou a obrigatoriedade da presença de dentistas em hospitais públicos e estaduais, sendo que o projeto piloto foi implementado no hospital Mário Covas, em Santo André.

O CFO (Conselho Federal de Odontologia) reconheceu a prática como um campo de atuação em 2015 (resoluções 162 e 163/2015, atualizadas em 2019 para as resoluções 203 e 204).

Qual é a sua importância?

Atualmente, o dentista hospitalar é fundamental para a qualidade do atendimento prestado aos pacientes em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Desde a infância, aprendemos quão importante é manter a higiene bucal com escovação e outros cuidados. Contudo, pessoas em estado de fragilidade, como pacientes em tratamento contra o câncer e outras doenças que prejudicam a coordenação motora, não conseguem manter tais cuidados sozinhos.

Esses pacientes experimentaram períodos de baixa imunidade, e as infecções oportunistas causadas por fungos, vírus e bactérias presentes na boca representam um risco sistêmico. Além disso, certos tratamentos podem causar complicações orais, como mucosite e falta de saliva. Por isso, a presença de uma equipe especializada em Odontologia Hospitalar é essencial.

O que é preciso para atuar nessa área?

Mesmo que a área tenha sido reconhecida tardiamente, a experiência nesse campo trouxe uma série de novas oportunidades de atuação para o profissional dentista, especialmente no mercado de Odontologia na Bahia. A média salarial de um cirurgião-dentista no país é de R$ 3.534*, com teto de R$ 5.682,45*. Aqui em Salvador, a média é de R$ 3.475,82*, com teto de R$ 6.581,90* para 30 horas semanais.

Profissionais qualificados podem trabalhar nos hospitais em equipes multidisciplinares, nos cuidados odontológicos de pacientes internados em estado crítico, assistência ambulatorial, atendimento domiciliar (home care), emergência e urgência, entre outras atividades.

Com tudo o que você leu até agora, com certeza já entendeu que se especializar em Odontologia Hospitalar abrirá muitas portas em sua carreira, já que a área é um diferencial competitivo no mercado, e as vagas crescem a cada dia.

E se estiver buscando uma boa faculdade de Odontologia em Salvador, Lauro de Freitas ou Itabuna, a Unime é uma excelente opção. Nela você receberá total suporte para desenvolver sua profissão, além do livre acesso ao Canal Conecta, uma plataforma exclusiva que liga empresas e estudantes de todo o Brasil.

Agora que você já sabe como a Odontologia Hospitalar funciona, inscreva-se no vestibular da Unime e dê o primeiro rumo à sua carreira de sucesso!

* Sujeito a alteração.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

cursos da unime

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.